Qual o impacto do desmatamento zero no Brasil?

Estudo coordenado por Sergio Leitão e Lígia Vasconcellos (Instituto Escolhas), com análise biofísica e de uso da Terra de Gerd Sparovek, Vinícius Guidotti (Geolab – Esalq/USP) e Luiz Fernando Guedes Pinto (Imaflora). Análise econômica por Joaquim Bento de Souza Ferreira Filho (Esalq-USP), buscou responder qual o impacto econômico e social de zerar o desmatamento no Brasil.

Qual o impacto do desmatamento zero no Brasil? – Sumário Executivo

Estudo coordenado por Sergio Leitão e Lígia Vasconcellos (Instituto Escolhas), com análise biofísica e de uso da Terra de Gerd Sparovek, Vinícius Guidotti (Geolab – Esalq/USP) e Luiz Fernando Guedes Pinto (Imaflora). Análise econômica por Joaquim Bento de Souza Ferreira Filho (Esalq-USP), buscou responder qual o impacto econômico e social de zerar o desmatamento no Brasil.

Qual o Impacto de Zerar as Emissões do Setor Elétrico no Brasil? – Sumário Executivo

Estudo coordenado por Lígia Vasconcellose Shigueo Watanabe Jr., do Instituto Escolhas, e elaborado por William Wills, da EOS Estratégia & Sustentabilidade, buscou responder qual é o impacto econômico, social e ambiental para o Brasil em cumprir a sua obrigação com a Convenção do Clima e, mais ainda, zerar suas emissões no setor elétrico até 2050.

Qual o Impacto de Zerar as Emissões do Setor Elétrico no Brasil?

Estudo coordenado por Lígia Vasconcellose Shigueo Watanabe Jr., do Instituto Escolhas, e elaborado por William Wills, da EOS Estratégia & Sustentabilidade, buscou responder qual é o impacto econômico, social e ambiental para o Brasil em cumprir a sua obrigação com a Convenção do Clima e, mais ainda, zerar suas emissões no setor elétrico até 2050.

Impactos de Mudanças na Matriz Elétrica Brasileira – Sumário Executivo

Estudo coordenado por Roberto Kishinami, em parceria com Andrea Lucchesi (EACH USP), Carolina Policarpo Garcia (doutoranda FGV/SP), Bruno Toni Pailallol (mestrando FEA/USP) e Leonardo Bueno (estagiário FEA/USP) na parte econômica. Apoio do Instituto Clima e Sociedade (iCS), do Instituto Arapyaú e da OAK Foundation. Estudo busca entender o impacto de diferentes cenários de geração elétrica sobre a economia, o emprego e as emissões de GEEs no país.

Impactos de Mudanças na Matriz Elétrica Brasileira

Estudo coordenado por Roberto Kishinami, em parceria com Andrea Lucchesi (EACH USP), Carolina Policarpo Garcia (doutoranda FGV/SP), Bruno Toni Pailallol (mestrando FEA/USP) e Leonardo Bueno (estagiário FEA/USP) na parte econômica. Apoio do Instituto Clima e Sociedade (iCS), do Instituto Arapyaú e da OAK Foundation. Estudo busca entender o impacto de diferentes cenários de geração elétrica sobre a economia, o emprego e as emissões de GEEs no país.

Quanto o Brasil precisa investir para recuperar 12 milhões de hectares de florestas? – Sumário Executivo

Sumário Executivo – estudo coordenado por Roberto Kishinami e Shigueo Watanabe Jr, realizado a pedido da Coalizão Brasil Clima, Florestas e Agricultura, a qual encomendou a equipes multidisciplinares do Instituto Escolhas e do Centro de Estudos da Sustentabilidade da Fundação Getúlio Vargas (GVces) a construção de cenários da realidade brasileira capazes de englobar três grandes compromissos elencados pelo Brasil em sua NDC.

Quanto o Brasil precisa investir para recuperar 12 milhões de hectares de florestas?

Estudo completo – coordenado por Roberto Kishinami e Shigueo Watanabe Jr, realizado a pedido da Coalizão Brasil Clima, Florestas e Agricultura, a qual encomendou a equipes multidisciplinares do Instituto Escolhas e do Centro de Estudos da Sustentabilidade da Fundação Getúlio Vargas (GVces) a construção de cenários da realidade brasileira capazes de englobar três grandes compromissos elencados pelo Brasil em sua NDC.

Impactos Econômicos e Sociais da Tributação do Carbono no Brasil

EQUIPE ESCOLHAS, coordenada por ROBERTO KISHINAMI, com orientação de BERNARD APPY e cálculos de emissões de CO2 de SHIGUEO WATANABE JR. Impactos Econômicos e Sociais da Tributação do Carbono no Brasil. SUMÁRIO EXECUTIVO.

Taxação Sobre Carbono, Competitividade e Correção de Distorções do Sistema Tributário: Impactos na Economia Brasileira

EQUIPE ESCOLHAS, coordenada por ROBERTO KISHINAMI, com orientação de BERNARD APPY e cálculos de emissões de CO2 de SHIGUEO WATANABE JR. Taxação Sobre Carbono, Competitividade e Correção de Distorções do Sistema Tributário: Impactos na Economia Brasileira. São Paulo, novembro de 2015. Estudo de alternativa de adoção de uma Taxa de Carbono de U$ 36/tCO2e sobre os combustíveis fósseis no Brasil, focado na manutenção da neutralidade tributária.